“Nunca, foram só dez salários-mínimos”, dispara Wesley Safadão sobre nova decisão da Justiça




Nesta sexta-feira, 27 de julho, Wesley Safadão e sua ex-mulher, Mileide Mihaile, tiveram em uma audiência para decidir sobre o reajuste da pensão do filho deles, o pequeno Yhudy. A Justiça decidiu que o cantor terá que pagar a partir de agora 40 salários-mínimos para o garoto.

Dessa forma, ela receberá mais de R$ 38 mil mensais, de acordo com informações do jornal Diário do Nordeste. Antes de se apresentar no Fortal, no Ceará, Wesley Safadão acabou falando sobre o assunto com à revista Quem. Ele disse que a decisão tomada foi a mais acertada para 

Estou muito feliz, acho que foi um resultado que a gente pensou no bem do Yhudi, na integridade dele. Como falei, nunca foram só dez salários-mínimos (de pensão), a verdade é que em 2015 eu passei a ofertar muitas coisas por fora”, explicou o cantor durante a rápida conversa.

Ficou bom porque eu queria que fosse regularizado. Ela tinha os pedidos dela, e eu tinha os meus, que era ter mais flexibilidade com meu filho. Já era uma coisa que de fato já acontecia e foi tudo regularizado”, disse Safadão, que já pagava o valor de forma informal há alguns anos.

ENTENDA TUDO QUE ROLOU

A Justiça decidiu que Wesley Safadão terá que pagar 40 salários mínimos de pensão alimentícia para o seu filho Yhudy, filho de sua ex-mulher, Mileide Mihaile. Ele pagava cerca de R$ 9 mil mensais, e agora, terá que desembolsar quase R$ 40 mil por mês.

Dessa forma, ela receberá mais de R$ 38 mil mensais, de acordo com informações do jornal Diário do Nordeste. Antes, Safadão pagava apenas 10 salários mínimos oficialmente. Sendo, a criança terá direito ainda a uma viagem internacional anual com a mãe, podendo requisitar primeira classe.

Mileide, no entanto, ficou proibida de comentar a determinação. Ela é uma influenciadora digital muito querida no Ceará e foi a única a conversar com a imprensa. Wesley Safadão, por sua vez, deixou o lugar primeiro, acompanhado dos seus advogados, pela saída dos fundos.

Por intermédio da assessoria, o famoso comentou o caso de forma breve. Segundo ele, ficou acordado o que teria sido acertado desde 2015 e, por respeito ao promotor e a meritíssima juíza do caso, o cantor não iria detalhar o que mais foi definido. Por fim, garantiu que tudo foi feito em nome do filho Yhudy e agradeceu a Deus por tudo ter terminado bem.
Compartilhar Google Plus

Postado Por: Derni Oliveira

Apresentador e ator, Opniões são importantes, mas relevantes .

Postagens Relacionadas

0 comentários :

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial